31 de jan de 2009

Borra de Café e a Dengue


Borra de café: uma alternativa natural contra o Aedes aegypti
A bióloga Alessandra Laranja, do Instituto de Biociências da UNESP (Campus de São José do Rio Preto), durante a pesquisa de sua dissertação de mestrado, descobriu que a borra de café produz um efeito que bloqueia a postura e o desenvolvimento dos ovos do Aedes aegypti.
O processo, ao que parece, é extremamente simples e indicado especialmente para quem gosta de cultivar plantas em vasos: basta colocar borra de café nos pratinhos de coleta de água dos vasos e dentro das rosetas das bromélias.
Conforme explicações da bióloga, 500 microgramas de cafeína da borra de café por mililitro de água bloqueia o desenvolvimento da larva no segundo de seus quatro estágios e reduz o tempo de vida dos mosquitos adultos.
A pesquisa com a borra de café foi inspirada num estudo anterior, com moscas drosófilas (mosquinha da banana). "Embora a borra de café contenha várias substâncias potencialmente tóxicas para os insetos, acreditamos que a cafeína seja o princípio ativo que mata as larvas", explica Alessandra.
A cafeína afeta as esterases, enzimas responsáveis por diversos processos fisiológicos, como a digestão, desenvolvimento juvenil (larvas na segunda fase), reprodução e, principalmente, resistência aos inseticidas químicos.
A receita:
A solução com cafeína pode ser feita com duas colheres (sopa) de borra de café para cada meio copo de água, o que facilita o uso pela população de baixa renda e pode ser aplicada em pratos que ficam sob vasos com plantas, dentro de bromélias e sobre a terra dos vasos, jardins e hortas. A explicação é que o mosquito pode se desenvolver até mesmo na película fina de água que às vezes se forma sobre a terra endurecida dos jardins e hortas, também na água dos ralos e de outros recipientes com água parada (pneus, garrafas, latas, caixas d'água etc.).
"O detalhe é que a borra não precisa ser diluída em água para ser usada", destaca a bióloga. Pode ser colocada diretamente nos recipientes, já que a água que escorre depois de regar as plantas vai diluí-la.
Assim, a borra de café funcionaria também como um adubo ecologicamente correto.
O mosquito:
As fêmeas de Aedes aegypti põem seus ovos em águas paradas, limpas ou sujas, mesmo em recipientes pequenos. Ali nascem as larvas, que passam por 4 fases antes de se transformarem em pupas e depois em adultos. Apenas as fêmeas se alimentam de sangue para garantir o desenvolvimento dos ovos, e é nesta fase que transmitem a dengue, após picar pessoas doentes e reter o vírus na saliva, infectando quem for picado em seguida. Além de eliminar as larvas, os testes de laboratório mostraram que a cafeína reduz o tempo de vida das fêmeas adultas.

8 comentários:

Eduardo Miguel disse...

- Oi olhe eu aqui!!! é isso que eu acho muito legal aqui e sempre observo de muito positivo nos seus dois blogs... esta posição, postura ou preocupação em ajudar pelo exemplo, ou seja ajuda a todos pelas dicas, colocações e até pelas receiras, você já percebeu que não sou muito de ficar passando o tempo todo e elogiando á toa, não gosto muito dste lado da internet, a pessoa nunca te viu nunca falou com você, no máximo dois ou tres contatos via blog ou coisa do gênero e já vai falando: sai o que é amor, oi minha paixão, te amo, te adoro, você é minha vida e coisitas do gênero!!! acho muito estranho... bom mas tudo isto para lhe reforçar que meu elogio é pra valer e acho que dos que me acompanham, seu endereço um dos melhores e mais úteis, gostoso de entrar ler, de fácil digestão sabe como é... tem uns que só por educação de outra forma não encaro não! o meu mesmo é legalzinho pelo trabalho e proposta mas acho meio pesado falando o tempo todo das mesmas coisas, mas tem o lado da arte eco então que vá né! rs rs rs
- Grande abraço e sucesso e fico sempre de olho nas receitas também obrigado pelo sempre carinho para comigo e meu trabalho.

Lola disse...

Oi, moça,

Espero que as coisas estejam bem melhores em sua casa...

Coloquei uma postagem muito parecida com essa há muito tempo atrás, quase no início do blog. Um indivíduo disse que não funcionava, mas, prefiro acreditar na palavra da cientista e tentar, afinal, tudo é válido!

Parabéns pela iniciativa!

Beijo.

Professora Lara disse...

Gostei muito do seu blog... Posso usá-lo nas minhas aulas de ética e cidadania???
Abraço

Arte&Reciclagem disse...

Nossa Eduardo, vc não sabe como fico feliz com seu comentário. Me dá a certeza de estar no caminho certo. Muito obrigada por seu apoio. Bj gde

Arte&Reciclagem disse...

Bem Lola, as coisas por aq infeliz/ não andam muito boas, mas vamos levando. Qto ao café, creio q se não funcionar no combate a dengue, pelo menos é uma forma de adubo ecologicamente correta, sempre achei um desperdício a qtdd de borra de cafe q jogamos fora, ainda vou pesquisar outras utilidades. Bj

Arte&Reciclagem disse...

Lara, será um prazer divulgar e dividir minhas informações. O importante é somar e tentar educar.
Bj

Lola disse...

Olá,
Você é uma pessoa que procura fazer o bem, acredito que tudo na vida tem um plano de Deus, entregue nas mãos Dele e faça a sua parte... Espero que o que dê para melhorar, assim seja...
Quanto a borra, concordo plenamente com você, por isso respondi ao comentário da pessoa que disse que não funcionava que preferia acreditar na cientista que havia feito os testes e comprovado que funcionava. A parte do adubo, esta eu não sabia, é sério? Gostei... Meu pai, lá no sítio, sempre joga cascas de legumes, de ovos e outras coisas nas bananeiras, diz que serve como adubo, quanto ao pó, essa eu não sabia, nem sei se ele sabe, vou falar para ele!

Obrigada, moça!!!

Beijo.

Giulia disse...

que blog legal! mais cultura e beleza pro mundo virtual
eu to seguindo, entra no meu?
starluxurious.blospot.com
bjs